10 boas práticas para os pais controlarem a segurança de crianças na internet


Crianças na internet
African family spending time together

Existe um perigo silencioso, que tem colocado em risco as crianças na internet. O problema da falta de segurança no mundo digital é algo que tem afetado a rotina de muitas famílias, pois ainda não sabem como lidar com essa realidade. Pensando nisso, a partir de minhas vivências com novas tecnologias e as principais tendências do mundo digital, reuni 10 dicas que podem nos ajudar bastante com essa questão:

Tenha consciência de que segurança digital é um assunto super importante!

A cada dia, mais irá se tornar o principal desafio de todos os tempos. Estive recentemente na SXSW 19, e a maioria das palestras e encontros trazia este tema para a discussão. É um ciclo vicioso, pois a cada minuto temos uma novidade tecnológica que sai do forno e que pode abalar o nosso cotidiano e invadir os nossos espaços.

Disciplina é fundamental.

Quando o assunto é segurança digital com crianças, fica bem mais complicado. Os pais estão cada dia mais ocupados e não conseguem permear a chuva de informações que as crianças podem ter acesso com um único clique. Somente com disciplina, muita dedicação e acompanhamento a criança pode desfrutar de uma infância verdadeira e se tornar um adulto seguro.

Busque uma rotina saudável no mundo on-line.

A internet tem também um lado muito bom, como os conteúdos infantis que têm sido produzidos, principalmente com relação ao auxílio às crianças com autismo e outras iniciativas muito legais. Como empresária, eu apoio algumas startups que acredito que fazem sentido para ajudar a sociedade nesse caminho de lidar com a transformação digital.

Um deles é o AppGuardian, que atua como um protetor das famílias, facilitando a conexão entre pais e filhos, criando uma correlação de agendas para passar mais tempo em família e conseguir estabelecer o uso responsável da internet.

Tenha sempre um diálogo aberto.

Procuro sempre incentivar que haja um canal aberto de diálogo entre pais e filhos, através do jogo aberto e transparente, para pontuar os argumentos sobre por que realizar esse monitoramento dos acessos. Além da importância de criar uma rotina de uso de celulares e de como isso ajuda na organização das tarefas do dia, recebemos dos usuários depoimentos de como essa iniciativa tem melhorado a qualidade de sono, com reflexos até mesmo na capacidade de concentração e rendimento escolar.

Essa tarefa requer esforço.

A família deve orientar os filhos para uma utilização consciente e segura da internet. Mas isso tem que ser feito com muito amor, exemplo dos pais, muito diálogo, disciplina e muita resiliência. (risos)

Tenha uma plataforma de controle parental.

Alguns filtros de navegação ajudam, mas eles somente não resolvem. Realmente os pais precisam utilizar uma plataforma de Controle Parental para isso.

Libere o uso das redes sociais a partir da idade correta.

A dica é liberar o uso dos dispositivos a partir da idade correta (essa é uma avaliação de cada família), como o notebook, tablet ou smartphone, devendo ser utilizado em lugares de circulação de adultos, onde possam observar a criança.

Saiba que as crianças estão mais vulneráveis à publicidade.

Na internet, é ainda mais difícil esse combate, pois a publicidade entra na tela a depender da própria demanda, com as ferramentas de remarketing e segmentação do público-alvo cada vez mais assertivas, inclusive com uso de IA aplicada para essa finalidade.

Mantenha os olhos bem abertos contra o bulllyng.

Hoje os índices de suicídio entre adolescentes crescem a cada ano. Isso é muito triste! Será que estamos formando uma nova sociedade cheia de medos, inseguranças e super vulnerável? As pessoas se escondem atrás de uma tela para julgar e cometer os mais terríveis abusos de diversas maneiras.

No caso das crianças e adolescentes, através do controle parental, o principal benefício é saber exatamente com quem seus filhos estão, do que gostam, quais são seus hábitos digitais etc. Isso ajuda muito a combater e prevenir situações de risco no mundo virtual.

Tenha cuidado: A tecnologia pode ser utilizada como inimiga ou aliada.

Toda nova tecnologia envolve autonomia, adaptação e, principalmente, inspeção constante. Nosso esforço é para que cada vez mais, consigamos transformar nossa sociedade, oferecendo às pessoas ferramentas para estarem mais seguras no ambiente digital.

Mas no fundo, essa questão passa principalmente pela própria construção social, uma sólida base familiar, diálogo aberto e a, acima de tudo, uma volta à humanização.

Espero que essas dicas possam contribuir para ajudar sua família a ter uma rotina on-line segura e mais saudável, de modo a usufruirmos sempre do melhor que a tecnologia tem reservado pra nós!

Por Fernanda Presídio, empreendedora, mentora, conselheira de governança e co-founder da Lumini IT Solutions.

adsense

Comments 0

Your email address will not be published. Required fields are marked *

10 boas práticas para os pais controlarem a segurança de crianças na internet

Entrar

Don't have an account?
sign up

reset password

Back to
Entrar

sign up

Back to
Entrar
Choose A Format
Personality quiz
Series of questions that intends to reveal something about the personality
Trivia quiz
Series of questions with right and wrong answers that intends to check knowledge
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Story
Formatted Text with Embeds and Visuals
List
The Classic Internet Listicles
Open List
Submit your own item and vote up for the best submission
Ranked List
Upvote or downvote to decide the best list item
Meme
Upload your own images to make custom memes
Video
Youtube, Vimeo or Vine Embeds
Audio
Soundcloud or Mixcloud Embeds
Image
Photo or GIF
Gif
GIF format

Send this to a friend